Open Knowledge Brasil apoia a candidatura do Garoa Hacker Clube para o CGI.br

 

wlan-1710249_1280

Foto: Pixabay / https://pixabay.com/photo-1710249/

Você sabia que o Comitê Gestor da Internet do Brasil (CGI.br) tem um papel fundamental para a internet livre e funcional do jeito que ela está hoje? Nascido em 1995 durante o boom da internet brasileira, ele reúne representantes do governo, empresas, organizações civis e academia. Em 2003, após pressão da sociedade civil, a Presidência editou o Decreto Nº 4.829, ampliando a competência do Comitê e dispondo que os membros não governamentais fossem eleitos por formação de colégio eleitoral de cada setor, em um processo transparente, com votação não secreta.

O processo de eleições do CGI.br para os representantes que o integrarão durante o triênio 2017-2019 teve início em 2016, e vai até maio de 2017. Nós, da Open Knowledge Brasil, nos inscrevemos como parte do colégio eleitoral da sociedade civil e apoiamos a candidatura da Amanda Yumi pelo Garoa Hacker Clube.

“Ela está alinhada com os valores da OKBR, acreditamos que vai levar propostas e realizar posicionamentos que a organização compartilha”, conta Ariel Kogan, diretor-executivo da Open Knowledge Brasil.

Importância do CGI.br

Pouca gente sabe como o CGI.br funciona, como seus membros são eleitos e que qualquer organização da sociedade civil pode participar do Comitê. Segundo o site do CGI.br, a organização estabelece diretrizes estratégicas relacionadas ao uso e desenvolvimento da Internet no Brasil e diretrizes para a execução do registro de Nomes de Domínio, alocação de Endereço IP (Internet Protocol) e administração pertinente ao Domínio de Primeiro Nível “.br”. Além disso, também promove estudos e recomenda procedimentos para a segurança da Internet, propõe programas de pesquisa e desenvolvimento que permitam a manutenção do nível de qualidade técnica e inovação no uso da Internet.

Pra quem quer entender melhor esse processo, o manual “Como Participar do Comitê Gestor da Internet: um manual para a sociedade civil”, da Coalizão Direitos na Rede, conta todos os detalhes.

Como apoiar a candidatura da Amanda?

Organizações que estão inscritas poderão votar nela, já pessoas ou organizações que não estão inscritas podem apoiar a candidatura da Amanda procurando aquelas organizações que já estão inscritas e sugerindo apoio a sua candidatura.

Para conhecer mais sobre sua candidatura e entrar em contato com a Amanda e o Garoa, veja mais informações no site da Candidatura CGI.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *