Brasileiros querem saber como os parlamentares votam, segundo pesquisa

Em julho, a Rede Latino-americana pela Transparência Legislativa (RLTL) lançou a Consulta Cidadã 2017 no Brasil. O objetivo foi dar oportunidade às pessoas de diferentes países latino-americanos de expressarem como percebem o trabalho realizado pelos Congressos em grande parte da região. Os resultados preliminares da consulta, conduzida entre julho e agosto de 2017, já saíram e contam com destaques representativos para a sociedade. Mais de 450 brasileiros participaram da pesquisa.

Os resultados da consulta, conduzida entre julho e agosto, vão ser fundamentais na identificação de soluções conjuntas e abrangentes para reforçar a atuação da sociedade civil por um legislativo mais transparente, responsivo e eficiente.

Um dos destaques foi sobre os três pontos considerados como os mais importantes para que os parlamentares façam um bom trabalho. São eles: 80% querem maior transparência em sua gestão; 70% querem que eles levem mais em conta a opinião cidadã e 70% querem que eles prestem contas aos seus eleitores.

A Consulta Cidadã 2017 deu a oportunidade para pessoas de 16 países latino-americanos expressarem como percebem o trabalho realizado pelos Congressos em grande parte da região. A consulta é a primeira etapa de um processo de diagnóstico para investigar a lacuna que hoje afasta os congressos dos cidadãos e cidadãs na América Latina e que resultará na proposição de soluções conjuntas e abrangentes.

Além da Open Knowledge Brasil, a consulta contou com o apoio das seguintes organizações: Fundação Cidadania Inteligente, Agenda Pública, LabHacker, Cidade Democrática, Operação Serenata de Amor, ITS, INESC, Update Politics, Vote LGBT e #Me Representa.

Contexto

Em 2015, o Latinobarómetro indicou que 70% dos habitantes não se sentem representados pelos Congressos de seus países. Com base nesse contexto de grave crise de legitimidade do legislativo, a Rede lança a Consulta Cidadã sobre a Confiança no Legislativo por meio das plataformas de organizações em 14 países para compreender a lacuna que hoje afasta os congressos dos cidadãos e cidadãs na América Latina. A Rede Latino-americana pela Transparência Legislativa é a primeira aliança de organizações da sociedade civil da América Latina e Caribe para a promoção políticas de transparência, participação cidadã e prestação de contas em matérias legislativas.

Alguns resultados preliminares:

Os três principais aspectos sobre os quais os cidadãos gostariam de estar mais informados são: – 68% Como votaram os parlamentares – 61% Como se gastam as verbas para o trabalho legislativo – 56% Financiamento de campanha dos parlamentares

  • As pessoas mostraram alto interesse nas atividades do congresso: 4.47 numa escala de 1 a 5
  • As pessoas mostraram baixo sentimento e representatividade: 1.28 em uma escala de 1 a 5
  • Os três pontos considerados como os mais importantes para que os parlamentares façam um bom trabalho são: – 80% maior transparência em sua gestão – 70% levar mais em conta a opinião cidadã – 70% prestar contas aos seus eleitores
  • 96% dos consultados não acham que o congresso representa adequadamente a diversidade (gênero, raça, sexualidade, etc) da população brasileira.

Mais resultados da consulta cidadã podem ser acessados em: bit.ly/resultadosconsulta2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *