OKBR e CGU firmam parceria para difusão de ferramentas de controle social

No último dia 30/01, a Open Knowledge Brasil e a Controladoria Geral da União firmaram um compromisso de colaboração por meio de uma carta de intenções. No documento, a OKBR garante a disponibilização dos aprendizados com a metodologia do projeto Gastos Abertos para a Secretaria de Transparência e Prevenção da Corrupção – STPC/CGU.

O projeto Gastos Abertos possui 477 lideranças mobilizadas diretamente e presentes em 110 cidades brasileiras. Por meio da parceria, a OKBR se compromete a difundir os materiais educativos e de orientação disponibilizados pela CGU e a aprimorar a capacitação de lideranças com a difusão do uso de ferramentas (portais de transparência, por exemplo) que facilitam o acompanhamento da distribuição e da arrecadação de verbas públicas.

A equipe de Controle Social, na Secretaria de Transparência e Prevenção da Corrupção da Controladoria Geral da União, por sua vez, disponibiliza para o projeto o canal que mantém para esclarecimento de dúvidas quanto às plataformas tecnológicas e aos materiais didáticos produzidos pela CGU.

“Essa colaboração entre a OKBR (organização apartidária da sociedade civil) e a CGU é muito interessante para somar esforços no sentido de avançar na agenda de transparência e abertura de dados no nível local”, comemora Ariel Kogan, diretor da Open Knowledge Brasil. E completa: “O marco legal que o Brasil já desenvolveu é bastante avançado, e o grande desafio é, somando esforços entre os diversos atores da sociedade, conseguir capilaridade nas mais diversas regiões do país.”

A Open Knowledge também se compromete a realizar o mapeamento e a análise da usabilidade das plataformas tecnológicas disponibilizadas pela CGU, que serão consolidados em um relatório que deverá ser entregue à Controladoria até o fim de abril de 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *